Ilhabela (SP) cria campanha de conscientização na retomada das atividades comerciais

A cidade de Ilhabela, no litoral norte de São Paulo, retomou as atividades comerciais no primeiro dia de junho, com a reabertura dos estabelecimentos que passam a seguir a regra básica de distanciamento e álcool gel na entrada. A iniciativa faz parte da campanha “Compromisso e Amor”.

 A ação envolve uma equipe de monitores que percorre os estabelecimentos do arquipélago para reforçar as medidas de prevenção. Os comércios comprometidos com as recomendações receberão um kit de adesivos da campanha, com orientações para colaboradores e clientes para fixar nas paredes e outro para fixar na porta de entrada, com orientações gerais no combate ao vírus.

Todas as iniciativas estão sendo realizadas para reforçar as formas de prevenção e incentivar o público em geral a continuar tomando os devidos cuidados para não haver um aumento considerável no índice de mortes e infectados da região. Segundo o boletim médico divulgado hoje (10), Ilhabela teve duas mortes confirmadas e 73 casos confirmados.          

A entrada de insumos para abastecimento do comércio é permitida mediante autorização e apresentação da nota fiscal dirigida ao estabelecimento. A Prefeitura deve implantar também um “porto seco” – terminal de cargas em área terrestre para pequenas entregas – para evitar que mais carros e entregadores circulem pelo município. A ação será estruturada pela TCurbes, empresa responsável pelo plano de mobilidade da cidade.

Primeira fase da retomada

Inicialmente, Ilhabela retomou as atividades de forma gradual em toda região. A princípio, estão reabrindo os estabelecimentos comerciais, seguindo as regras básicas de distanciamento e disponibilizando álcool em gel na entrada para higienização dos clientes antes de fazerem as compras. No setor de alimentação, restaurantes e lanchonetes seguem no sistema delivery e têm previsão de reabrir no dia 15 de junho, na terceira fase do projeto.

O uso de máscaras continua obrigatório em todo o município, principalmente no transporte público. Para a retomada das aulas presenciais, a Secretaria de Educação está formando um comitê que definirá as práticas adotadas para proteger alunos e professores.

Também já estão permitidas atividades ao ar livre, individuais ou em dupla, sem estabelecer-se nas praias. As marinas poderão voltaram às atividades no dia 8 de junho, após publicação de seus protocolos de compromisso.

Na área de hospitalidade, os hotéis, pousadas, casas de temporada, agências de turismo e eventos particulares seguirão fechados até o final do mês de junho. A retomada dos serviços neste segmento está prevista para o dia 1º de julho.

Foto de capa: Paulo Stefani

Deixe uma resposta