Gastronomia sustentável

A sustentabilidade chegou à cozinha e veio para ficar

A sustentabilidade é uma tendência a ser seguida, inclusive pelo segmento de alimentos e bebidas. Mas, ser sustentável vai além da utilização de produtos orgânicos, é preciso pensar no desperdício, nos fornecedores e, claro, no retorno econômico para o negócio.

Para José Nero, chef do Ponta dos Ganchos Resort, em Santa Catarina, a gastronomia sustentável precisa atender algumas demandas. É necessário levar em conta a sazonalidade e a regionalidade dos alimentos, o tamanho das porções, a produção ou compra de orgânicos, a eficiência na estocagem e, ainda, evitar o desperdício. Além disso, é importante conscientizar as pessoas da importância da sustentabilidade, compartilhando esse conhecimento junto à comunidade.

Leia a matéria completa na página 36 da edição 392

 

Deixe uma resposta