Televisores

A rapidez das evoluções tecnológicas dos equipamentos eletrônicos reflete a velocidade da obsolescência das últimas décadas. Neste contexto, destacam-se os televisores de última geração que, com design arrojado e uma série de recursos, continuam sendo um item importante na avaliação do hóspede sobre sua percepção da qualidade do meio de hospedagem.

“Atualmente, o hóspede foca conectividade disponível em caráter imediato. Antes de concretizar a reserva, ele faz questão de que essa necessidade seja suprida por equipamentos de última geração, em termos tecnológicos”. Assim, João Paulo Berger, gerente-geral no São Paulo Airport Marriott Hotel, em Guarulhos (SP), sintetiza a expectativa dos clientes, do empreendimento, quanto ao aparelho de TV.

Nos 311 apartamentos, o hotel (padrão cinco estrelas e próximo do aeroporto internacional) dispõe de TV tela plana de LCD (cristal líquido) 32”. Referindo-se aos recursos disponíveis, João Paulo resume: “são inúmeras as teclas de funções existentes no controle remoto, peça familiar à Geração Y, como são identificados os nascidos na era da informática (entre 1980 e 1990)”.

Ela afirma que a maioria dos clientes dos hotéis de cadeias internacionais, como a Marriott, é da faixa etária entre 27 e 40 e poucos anos. Portanto, trata-se de pessoas acostumadas à conectividade com o mundo em poucos minutos, habituadas ao acesso à internet via banda larga.

Nos últimos lançamentos, há recursos para, em um mesmo aparelho, assistir TV e navegar na internet. Entretanto, no Brasil, ainda são poucos os empreendimentos que disponibilizam esse recurso ao hóspede. João Paulo explica que os clientes foram indagados sobre esse tipo de conexão e constatou-se que a grande maioria ainda prefere usar o notebook, sentado na cama ou na mesa da área de serviço, disponível no quarto. Ao mesmo tempo, deixa a televisão ligada e, é óbvio, investiga toda a programação, considerando que são indispensáveis canais específicos de noticiários, filmes e esportes, tanto do Brasil quanto do exterior.

No São Paulo Airport Marriott Hotel, todos os televisores dos apartamentos são novos. No final de 2008, foi instalado a metade e os demais foram completados no início do ano, conta o gerente-geral. Em 2008, o hotel registrou 72% de taxa de ocupação média, neste ano, essa está girando em torno de 65%. Na opinião de João Paulo, em função da atual conjuntura econômica internacional, esse início de ano está um pouco difícil, mas a situação tende a melhorar, a partir do segundo semestre. Frisa: “temos uma ampla área para eventos corporativos e sociais, que, além de hospedagem convencional, motivam pernoites.

Internet via TV

No Brasil, o Transamerica Flat International Plaza é um dos poucos meios de hospedagem disponibiliza internet via TV, nos apartamentos. O empreendimento paulistano instalou, recentemente, esse sistema em 20 unidades, a título de teste, informa Paulo Mezejewski, diretor da empresa de informática que respondeu por essa colocação.

Ele descreve esse sistema: “o ThinNet-TV é um equipamento com as mesmas funções de um computador ligado a um televisor LCD ou plasma com saída VGA. Mede 142 mm de altura x 50 mm de largura e 130 mm de profundidade e pode ser instalado atrás do monitor da TV. Tem conexão USB, para a utilização de um pen drive. Para hotéis, a grande vantagem é que o hóspede tem maior segurança porque não carrega o seu notebook. É preciso, apenas, um teclado e um mouse”.

O aparelho propicia economia de energia elétrica, pois consume 80% menos do que uma CPU que, em média, gasta 150 watts por hora. Assim, menos calor é dissipado, possibilitando reduzir o uso do ar condicionado. Os dois aparelhos funcionam independentes (TV e PC). O Sistema permite acessar e-mails, navegar na Internet, visualizar documentos do Word, Excel, PowerPoint, Visio e PDF. Também é possível a conexão direta na área de trabalho remota do profissional que o utiliza, desde que a empresa que ele atua permita, conclui Paulo.

Deixe uma resposta