Lounges

Espaços especialmente criados para momentos de relaxamento e descontração

Ambientes diferenciados para entretenimento, relaxamento e interação, os lounges de hotéis vêm ganhando notoriedade. Fixos ou temporários, esses ambientes geralmente oferecem boa música, muitas opções de drinques e petiscos e reúnem hóspedes (muitos também recebem passantes) para momentos de descontração.

“Um lounge pode ser definido como um espaço de estar, confortável, clássico ou despojado de acordo com a proposta do hotel, geralmente integrado à recepção, mas que também pode ser utilizado para denominar bares (lounge bar), ou mesmo espaços de espera de restaurantes (lounge areas). Também determinados empreendimentos utilizam o termo para caracterizar espaços receptivos em andares para públicos específicos como VIPs), green floors, andares para público feminino etc”, explica Eduardo Faraco, da Faraco Consultoria, especializada em meios de hospedagem e alimentação fora do lar.

Segundo o consultor, conforto, funcionalidade e serviços agregados como alimentos e bebidas, música, televisores e vídeos, revistas, jornais e livros, além da internet wi-fi são indispensáveis nesses espaços cujo principal objetivo é oferecer uma experiência diferente aos hóspedes. “Apesar de ser um conceito relativamente novo no Brasil, a utilização destes espaços tem sido bastante boa em função das características acima citadas”, explica.

Para Patrick Vaysse, da Vaysse Consultoria, “os hotéis estão atendendo a uma nova demanda que é crescente, formada principalmente pela chamada geração Millennials. A nova geração sempre está conectada nas redes sociais, mais não deixa de socializar em um ambiente Millennials friendly. Por isso surge a tendência de um novo tipo de lounge, mais descolado, com design contemporâneo, conectividade absoluta, música, hipper vibe etc”.

Cases nacionais e internacionais

O Paradisus Palma Real, em Punta Cana, República Dominicana, e Paradisus Cancun, no México possuem o Red Lounge, espaço moderno que dispõe de uma ampla e atrativa oferta de coquetéis, exclusivo serviço de champanhe e bebidas, camas balinesas, além de iluminação diferenciada feita com luzes LED e área de socialização composta por poltronas e sofás. A partir das 23h, um DJ residente anima a pista de dança. Para dar um toque ainda mais requintado e especial, em cada cama balinesa há um balde com champanhe e as garçonetes servem a bebida de acordo com a seleção do cliente.

Já as unidades Paradisus Punta Cana (República Dominicana) e Playa del Carmen (México) possuem o GABI, lounge aberto também a convidados e moradores locais. Com iguarias contemporâneas, toda semana o espaço promove festas temáticas como ‘Staying Alive’ (em homenagem aos anos 70), ‘Glorious Fashion Party (com desfiles, apresentações sobre ícones da moda), ‘Bubble Champagne Chic’ (em tributo ao burlesque), ‘Taino Afro Party’ (incorporando as tradições Taino e a cultura africana), e ‘C’est La Vie Night’ (celebração ao festival de Cannes).

Na cidade do Cabo, na África do Sul, o One&Only Cape Town oferece entretenimento diferenciado no Vista Bar & Lounge. Situado no lobby do resort, promove um chá da tarde diariamente, das 14h30 às 17h30. Os hóspedes podem degustar uma seleção de chás, cafés, doces e sanduíches e, aos sábados e domingos, há música ao vivo durante todo o período. Ao entardecer, o local se transforma em um sofisticado bar onde são servidos coqueteis que vão dos clássicos aos mais modernos, tudo acompanhado de som ambiente e, às quintas, música ao vivo.

Famoso por seus hotéis modernos e cheios de estilo, o grupo Habita tem 13 propriedades em seu portfólio, todas elas com lounge no terraço, ao lado da piscina. No Habita Hotel, localizado na Cidade do México, por exemplo, o espaço funciona das 7h às 2h e oferece uma variedade de tapas e canapés, open bar e DJ. Ao entardecer, o terraço do Deseo [Hotel + Lounge], outro hotel do grupo, localizado em Playa del Carmen, se transforma e um lounge animado sob o comando de um DJ e onde são projetados filmes de época e servidos coquetéis e petiscos. No espaço há diversos puffs espalhados pelo deck, além de uma jacuzzi.

Localizado no 19º andar do Palace Hotel Tokyo, no Japão, o Club Lounge oferece um espaço de 172 metros quadrados e vista para o Wadakura Fountain Park. Entre os serviços oferecidos no ambiente estão café da manha e chá da tarde, coquetéis e canapés no início da noite, serviço de check-in e check-ou e acesso à piscina. Crianças com menos de 13 anos não entram depois das 17h.

No Brasil, o Hilton São Paulo Morumbi oferece o Executive Lounge, no 26º andar, com vista para a ponte estaiada. O espaço tem atendimento privativo de check-in e check-out e serviços de cortesia, como café da manhã, happy hour, aperitivos, salas de reunião, internet sem fio e instalações para hóspedes em trânsito. Para ter acesso, é necessário reservar uma tarifa específica ou ser membro nível Diamond no Hilton HHonors. Associados nível Gold, ao ganharem upgrade para o Executive Floor também recebem acesso ao lounge.

Também na capital paulista, no hotel Grand Hyatt São Paulo, o Upstairs Lounge oferece música ao vivo e variedades na carta de bebidas. Desde março deste ano, o espaço promove a Happy Hour de segunda a sexta, das 17h às 20h, com música ao vivo todas as quartas, quintas e sextas-feiras, das 18h às 21h. O ambiente possui decoração arrojada, com poltronas em couro e janelas de vidro que acompanham o pé direito.

Deixe uma resposta