Hilton define novos protocolos de limpeza e desinfecção

A rede Hilton anunciou uma política em seus padrões de higienização e limpeza que tem como objetivo diferenciar a marca na hotelaria nesses dois aspectos. As novas práticas foram desenvolvidas para atender às mudanças nas expectativas do viajante durante a pandemia do COVID-19. Pesquisas indicam que os consumidores estão mais preocupados com a higiene em sua estadia, e a confiança nos padrões de limpeza será fator decisivo para o retorno dos turistas.

 O programa, que terá início em junho, é uma parceria com a RB, que fabrica as marcas Lysol e Dettol, e com a Mayo Clinic, o sistema hospitalar mais bem classificado nos Estados Unidos, para desenvolver processos elevados e treinamento de membros da equipe para que os hóspedes do Hilton a tenham uma estadia ainda mais limpa e segura, desde sua chegada até o check-out.

Batizado de Hilton CleanStay com proteção Lysol, o programa segue uma lista de práticas rigorosas que une o know-how confiável e a abordagem científica da RB às práticas de limpeza e ofertas de produtos. Para complementar, os profissionais da equipe de Prevenção e Controle de Infecções da Mayo Clinic farão aconselhamento para ajudar a aprimorar os protocolos de desinfecção e limpeza da rede Hilton.

Mais segurança aos hóspedes

Hilton CleanStay tem como base os padrões de limpeza e higiene das propriedades da Hilton em todo o mundo, onde já se utilizam itens de higienização de nível hospitalar e protocolos atualizados. O objetivo do programa é garantir segurança e tranquilidade aos hóspedes quando estiverem em qualquer uma das propriedades da Hilton, representando 18 marcas. A iniciativa criará um padrão de excelência que será visível aos hóspedes em todas as dependências dos hotéis, desde quartos e restaurantes até academias e em outros espaços públicos.

“Nossa primeira prioridade sempre foi a segurança de nossos hóspedes e membros da equipe. O Hilton CleanStay baseia-se nas melhores práticas e protocolos que desenvolvemos durante os últimos meses, permitindo que nossos hóspedes descansem conosco e se concentrem em aproveitar as experiências inesquecíveis que temos para oferecer”, disse Christopher Nassetta, presidente e CEO da Hilton.

Nesta parceria, a RB vai trabalhar com os melhores especialistas da Lysol em higiene e desinfecção para conscientizar o público, apoiar os treinamentos e entrega de sistemas e produtos.

“Estamos comprometidos com a busca incansável de um mundo mais limpo e saudável. É imperativo proteger todos os consumidores, hoje e nos próximos dias, enquanto esperamos por novas formas de retornar às atividades de trabalho e lazer. Estamos ansiosos para trabalhar com a Hilton e a Mayo Clinic no programa Hilton CleanStay com proteção Lysol.”, afirmou Rahul Kadyan, EVP da RB para a América do Norte.

Novo patamar de higiene e limpeza

Com a ajuda de especialistas médicos e técnicos da Mayo Clinic, a Hilton está reescrevendo seus protocolos de limpeza para traduzir as melhores práticas em padrões de higiene hospitalar em quartos de hóspedes de hotéis. Os especialistas médicos da Equipe de Resposta ao COVID-19 da Mayo Clinic também aconselharão sobre novas tecnologias e abordagens, auxiliarão no desenvolvimento do treinamento e criarão um rigoroso programa de garantia de qualidade.

Os detalhes do programa ainda estão em desenvolvimento e serão anunciados em breve. Porém, os padrões da marca incluem os seguintes itens:

Selo do quarto Hilton CleanStay: adiciona uma medida extra de segurança colocando um selo na porta do quarto para indicar aos hóspedes que o quarto não foi acessado desde que foi completamente limpo.

Limpeza profunda de 10 áreas de grande contato: desinfecção extra das áreas dos quartos dos hóspedes mais tocadas – interruptores de luz, maçanetas, controles remotos de TV, termostatos e muito mais.

Eliminação das amenidades de papel: remoção da caneta, do papel e do diretório para hóspedes; implementando opções digitais ou disponível mediante solicitação.

Foco em academias de ginástica: diretrizes aprimoradas para desinfetar a academia de ginástica do hotel, possivelmente fechando para a limpeza várias vezes ao dia e limitando o número de hóspedes permitidos ao mesmo tempo.

Limpar e limpar novamente: aumento da frequência de limpeza de áreas públicas.

Toalhas e desinfetantes acessíveis ao hóspede: fornecimento de estações de limpeza nas entradas principais e principais áreas de tráfego intenso, por exemplo, uma estação para permitir que os hóspedes limpem o botão do elevador antes de pressioná-lo.

Check-in sem contato: A Hilton fortalecerá sua tecnologia Digital Key para hóspedes que desejam ter uma experiência de chegada sem contato. Eles podem fazer check-in, escolher seu quarto, acessá-lo com uma chave digital e fazer check-out usando seus dispositivos móveis através do aplicativo móvel Hilton Honors nos hotéis participantes. A Hilton continuará expandindo seus recursos de chave digital para portas e pontos de acesso às áreas comuns por todos os hotéis.

Tecnologias inovadoras de desinfecção: a Hilton está explorando a adição de novas tecnologias, como pulverizadores eletrostáticos – que usam uma névoa desinfetante carregada eletrostaticamente – e luz ultravioleta para higienizar superfícies e objetos.

Deixe uma resposta