Belmond lança campanha Commovere para valorização das artes e natureza

A rede Belmond lançou neste mês a campanha Commovere  (em latim, mover fortemente, causar emoção viva e impressionar-se), com objetivo de aflorar todos os sentimentos provocados pela beleza da dança, pela história e pela natureza. Um dos conceitos da campanha é instigar o viajante com a seguinte pergunta: “se pudesse viajar, iria para um lugar cheio de histórias ou para um que estivesse entre as sete maravilhas da natureza?”.

A diretora geral da Belmond no Brasil, Andréa Natal, conta que a ideia foi combinar sonho e realidade, arte e rua, movimento e silêncio, contradições e complementaridades da vida mais expostas durante a pandemia. “A campanha traz todos esses elementos unidos: a vibrante energia do carioca, a brisa do mar, o pôr-do-sol dourado, a Mata Atlântica, as Cataratas do Iguaçu, o som dos pássaros, essa inigualável natureza”, comenta.

No filme-manifesto, o protagonista é Thiago Soares, que foi bailarino do Royal Ballet de Londres. Ele voltou ao Brasil depois de 20 anos no Exterior, em meio à pandemia. “O filme partiu de encontrar um motivo para fazer o que faço. E isso passava por escolher onde eu dançaria e o motivo. Eu começaria dançando num lugar como o Copa, na minha cidade, de onde vim, e trazendo a mensagem não só de rever a nossa dança, mas de repensar as nossas prioridades, o que realmente importa. Brincando, mas de uma forma mais reflexiva, para ganharmos forças para seguir”.

Deixe uma resposta