hotelnews

busca

economia & negócios

2020
26
03

Hotelaria teme demissões em massa e falência de empresas

Com 80% dos hotéis e resorts fechados no Brasil, o setor de hotelaria busca ajuda do governo não apenas para manter empregos, mas também evitar a falência das empresas. Em entrevista à rádio Jovem Pan, o diretor executivo do FOHB, Orlando de Souza, e a diretora executiva da BLTA, Simone Scorsato, manifestaram preocupação com a crise promovida pelo coronavírus.

"A hotelaria gera 380 mil empregos diretos e, considerando os empregos indiretos, são 1,4 milhão de postos de trabalho. Se tivermos que desmobilizar a hotelaria, como já está acontecendo, haverá mais de um milhão de desempregados", disse Souza.

Já Simone Scorsato reforçou a necessidade de apoio neste momento. "O que pedimos agora é suporte. Nós teremos a contrapartida e, seguramente, muitos hotéis abrirão para apoio e acolhimento. É o momento de parar para que a gente se reestabeleça logo. Nosso pleito é imediato", afirma Simone.

Confira a reportagem na íntegra:

Compartilhe:

  • Email
  • Postar no Twitter
  • Postar no Delicious
  • Postar no Technorati
  • Postar no Digg
  • Postar no Google
  • Postar no Facebook
  • Postar no Yahoo
  • Postar no Windows Live













código captcha



notícias relacionadas


hotelnews

privacidade e segurança Copyright 2000/2014 KRM Edições e Comércio Ltda
Site mantido por Lutimo | Studio

Instagram

Facebook