hotelnews

busca

Edição 396

matéria de capa

A alma carioca do Gran Meliá Nacional Rio de Janeiro

Empreendimento reabre buscando retomar o prestígio de símbolo da hotelaria do Rio


O Rio de Janeiro é o destino brasileiro mais famoso e, como tal, abriga grandes ícones da hotelaria. Um dos edifícios mais memoráveis da capital fluminense, principalmente para quem viveu entre as décadas de 1970 e 1980, é o Hotel Nacional, instalado na praia de São Conrado. Referência na hotelaria carioca, foi também palco de grandes eventos corporativos e sociais, incluindo o Festival de Cinema do Rio e o Free Jazz Festival. Além disso, passaram por ali personalidades brasileiras e internacionais, como Tim Maia, B.B. King, Liza Minnelli e James Brown.


Declarado Patrimônio Histórico pelo IRPH (Instituto Rio Patrimônio da Humanidade) em 1998, o hotel é lembrado tanto por seu projeto arquitetônico e detalhes de estilo e decoração como pelo destaque que teve como meio de hospedagem. O edifício, fundado em 1972, foi projetado por Oscar Niemeyer; e seus jardins, concebidos pelo paisagista Roberto Burle Marx. Dentre as diversas obras de arte instaladas ali, destacam-se o painel de 268 placas de concreto de Carybé, a escultura da Sereia de Alfredo Ceschiatti, o mosaico de Athos Bulcão e a luminária de papel machê de Pedro Correia de Araújo.


Leia a matéria completa na página 14 da edição 396.  


 


 


hotelnews

privacidade e segurança Copyright 2000/2014 KRM Edições e Comércio Ltda
Site mantido por Lutimo | Studio

Instagram

Facebook